2 comentários:
De Teresa a 15 de Setembro de 2008 às 10:54
O que escreves é sempre poesia, mesmo sobre os casos mais banais, como este.

Voilá, tens um outro Prémio. Vai buscá-lo!
O Janelar merece todos os Prémios da blogosfera.

Já escrevi o nome dos nomeados, mas nao os publiquei, porque me falta a ligacao. Agora nao tenho tempo, mas o Prémio é teu.

Saudacoes de Düsseldorf!
De Afonso Reis Cabral a 16 de Setembro de 2008 às 11:13
Obrigado pelo elogio!

Comentar posta