Quarta-feira, 26 de Março de 2008

Estamos em campanha pré-eleitoral!

Depois de ter dito que descer os impostos seria uma medida "irresponsável" (cito de cor), Sócrates anunciou a descida do IVA de 21% para 20%. Tenho que confessar que, um pouco ingenuamente, quando me diziam que Sócrates iria descer os impostos antes das eleições eu respondia que era impossível que ele fizesse tal coisa pelo que já havia dito sobre o assunto... Tenho que reconhecer que caí que nem um patinho naquela conversa do: "Não há nada que dê mais gosto a um Primeiro-Ministro que descer impostos, mas neste momento é impossível"...



Foi um espectáculo ridículo. A medida é boa? Não podia ser melhor, mas não deixa de ser um exemplo degradante de como é fácil ter o dito por não dito e fazer o que mais lhe convém.
Publicado por José Tomás Costa às 17:54
link para a posta | Comentar
"I should find myself degraded if I descended to finding out if my convictions suited every man in the audience before I uttered them."
John Osborne
in A subject of scandal and concern

.Contribuidores

.Pesquisar:

 

.Últimas postas

. Está morto mas estamos vi...

. A 79 anos da quinta-feira...

. Le Clézio: Nobel da Liter...

. Dois anos!!

. Ai a crise!

. Morreu Dinis Machado

. Animator Vs Animation

. Angústia nas paredes

. Consumidores de gasolina ...

. Chega hoje o Outono

.Arquivos

. Janeiro 2012

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.Ligações



blogs SAPO

.Tags

. todas as tags

.subscrever feeds