Sábado, 15 de Março de 2008

Piercings: o único comentário possível

Adormeço todas as noites descansado. O PS afaga-me e conta-me histórias de encantar do género «Era uma vez o Super-Sócrates, que tudo remediou…».

De dia, o PS impede-me de comer o que não devo e pela tardinha, se me apetecer espetar um piercing na língua, o PS não deixa, não, não, não! É um grande educador, este PS. Ensina até a modéstia, pois não me deixa colocar um finíssimo piercing de ouro ou prata, onde quer que seja.

E depois de um santo dia saudável, protegido como me sinto, nem sequer posso cair na tentação me ir matando com um cigarro. UF! Que providente, este PS!
Sendo assim, só posso adormecer descansado. Até os meus sonhos são saudáveis, porque ressono da seguinte maneira: PS ps PS ps PS ps PS ps PS ps PS

Publicado por Afonso Reis Cabral às 12:50
link para a posta | Comentar
1 comentário:
De Anónimo a 16 de Março de 2008 às 14:46
É preciso ter lata!

:o

Rita M.

Comentar posta

"I should find myself degraded if I descended to finding out if my convictions suited every man in the audience before I uttered them."
John Osborne
in A subject of scandal and concern

.Contribuidores

.Pesquisar:

 

.Últimas postas

. Está morto mas estamos vi...

. A 79 anos da quinta-feira...

. Le Clézio: Nobel da Liter...

. Dois anos!!

. Ai a crise!

. Morreu Dinis Machado

. Animator Vs Animation

. Angústia nas paredes

. Consumidores de gasolina ...

. Chega hoje o Outono

.Arquivos

. Janeiro 2012

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.Ligações



blogs SAPO

.Tags

. todas as tags

.subscrever feeds