Terça-feira, 30 de Janeiro de 2007

A ver vamos...

O sim continua a perder terreno, diz-nos uma sondagem da TVI. A partir destas notícias começam a surgir as declarações inflamadas, mal pensadas (aliás não pensadas), sem os ensaios prévios que fazem muitos estragos (nos argumentos do SIM é claro!). Agora é a altura de aparecer a Odete Santos, a Ana Gomes e outros especialistas nestas matérias...

O debate de ontem foi uma pequena demonstração disso. A escritora Lídia Jorge (nunca li nada dela, mas se escreve tão mal como fala não deve valer a pena) deu-nos um cheirinho disso, falou na coisa humana, num país medieval que nós somos, etc...

Bem... a ver vamos. Espero ansiosamente pelas ansiedades do sim.
Publicado por José Tomás Costa às 22:38
link para a posta | Comentar
2 comentários:
De José Tomás Costa a 1 de Fevereiro de 2007 às 13:19
Não sei se vimos o mesmo debate... Mas aquele que eu vi foi um onde os do SIM admitiram que o aborto livre vai acontecer. Onde o Vital Moreira, essa pessoa "perfeitamente básica e analfabeta" gaguejou quando Dr. Aguiar Branco lhe perguntou se o que não está em causa é o aborto livre então o que é?
Claro que os apupos do SIM e as bocas à Kátia Guerreiro só demonstraram a solidez dos seus argumentos. A questão da "coisa humana" mostra o domínio dos termos da biologia básica. A deputada do PS que falou no final na sua intervenção admitiu que queria que o aborto fosse um direito para as mulheres, como o é na Europa, o que, logicamente, leva à desprotecção da vida até às dez semanas. Quando se dá esse direito tira-se um direito a outrem. Esse outrem, que é um grande desconhecido para a maioria, é uma vida humana que, na minha opiniãoi deve ser protegida com todos os meios. O que vemos é todos os meios a ser canalizados para dar o direito do aborto, desprotegendo a vida do feto e afectando a saúde psicológica e física da mulher.

Claro que temos que dar todo o mérito ao Vital Moreira quando numa tirada genial disse que "existem os filhos do Código Penal" referindo-se aos que nasceram porque o aborto não era permitindo em Portugal... A expressão só mostra a personalidade grosseira e sem o minimo de sentimentos tão próprios do humanos... Esses filhos do código penal são de certeza muito felizes, tal como o rapaz, que tem a minha idade, que durante o programa agradeceu à mãe por não ter feito um aborto... São os filhos do código penal... Quantos serão? Não sabemos
De José Sousa Pinto a 31 de Janeiro de 2007 às 21:53
Dos chamados "partidários" do NÃO devo dizer que foram todos impressionantes: a começar pela erudição daquele monstro do pensamento chamado Fernando Santos, até à argumentação em redondel (porque não saem do mesmo) de todos quantos tivemos o "prazer" de ouvir defender essa posição, a inefável Kátia Guerreiro, a surpreendente Laurinda Alves (espanta-me verdadeiramente o seu posicionamento) e, para minha tristeza -por tê-lo em alguma consideração-, qual Titanic, o Dr Aguiar Branco, afundando-se em teses perfeitamente inenarráveis. Claro que a defender o SIM, só estavam algumas pessoas perfeitamente básicas e analfabetas, tal como Vital Moreira e Vasco Rato, que apenas se limitaram a deixar o NÃO sem qualquer argumentação -pelo menos válida- ao desconstruir e desmontar os falsos moralistas. Enfim...
Eu apenas desejo que -já que estupidamente essa é condição indispensável- o referendo reuna mais de 50% de votos.

Comentar posta

"I should find myself degraded if I descended to finding out if my convictions suited every man in the audience before I uttered them."
John Osborne
in A subject of scandal and concern

.Contribuidores

.Pesquisar:

 

.Últimas postas

. Está morto mas estamos vi...

. A 79 anos da quinta-feira...

. Le Clézio: Nobel da Liter...

. Dois anos!!

. Ai a crise!

. Morreu Dinis Machado

. Animator Vs Animation

. Angústia nas paredes

. Consumidores de gasolina ...

. Chega hoje o Outono

.Arquivos

. Janeiro 2012

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.Ligações



blogs SAPO

.Tags

. todas as tags

.subscrever feeds